28 junho 2010

Final de semana no pedal

Esse final de semana foi bem agitado. Comecei muito bem com a Bicicletada na sexta à noite, como vocês podem ver no post anterior.

No sábado, eu tinha tarefas maternas a cumprir: comprar meias novas para meu filhote, cujos pés não param de crescer. Resolvi ir até até a Lojas Americanas do Shopping Iguatemi, para aproveitar e dar um abraço na minha querida amiga (e tinturista) Nilza, que trabalha no Studio W. Dei também um pulinho no Pão de Açúcar e comprei um vinho, queijo e pães de nozes com passas para curtir a noite.

  Essa sandália é uma delícia para pedalar, pois a sola é emborrachada.  
Fica a dica: calça skinny é uma ótima opção para substituir a famigerada legging com acolchoamento no traseiro.

O bicicletário do Iguatemi fica próximo ao estacionamento VIP. É surreal ver a quantidade de carros importados caríssimos (o que mais tinha por lá era Mini Cooper), todos estacionados em fileira, bem próximos às bicicletas de alguns funcionários e clientes. A segurança não é excepcional, mas funciona. Eles anotam seu nome e RG, mas não fornecem ticket e não conferem na hora da saída. Também não é aconselhável deixar capacete, cestinha e outros acessórios por lá. É a segunda vez que paro minha bike por lá, em ambas as vezes fiquei satisfeita com o serviço, que aliás, é gratuito.

A LadyBike é VIP, tá? Hehehe.

Domingo foi dia de passeio com o pessoal do Sampa Bikers. Eu estava bastante ansiosa para ver como seria o tal "Pedal das Estações - Inverno", primeiro passeio pago que eu faria com um grupo. Como cliente da Porto Seguro, tive desconto de 50% do valor e paguei somente R$ 15,00, que incluíam uma camiseta medonha (cujo uso era obrigatório), uma garrafinha de água e um boné.
  Ninguém merece: ô camiseta feia!

Achei que faríamos o mesmo percurso do passeio anterior, pelas ruas do centro da cidade, mas me surpreendi ao saber que iríamos para a ciclovia do Rio Pinheiros (desatenção minha, pois estava escrito no site). Por conta disso, já desanimei um pouco e sabia que o passeio não atenderia às minhas expectativas. Que graça tem pedalar ali, alguém me explica? Para chegar à ciclovia tivemos que subir e descer vários lances de escada com as bicicletas, um verdadeiro pé no saco!

  O sobe e desce escadas para chegar na ciclovia. Baita mico!

Para complementar, o cheiro do rio estava insuportável, a paisagem é desoladora (como disse uma amiga minha, o Rio Pinheiros chega a ser sólido!) e o trajeto modorrento, chato, chato...

 Tentando minimizar o fedor inalado com minha echarpe de oncinha. Quando teremos um rio limpo, hein, senhores governantes?

  O Rio Pinheiros vira sólido com tanto lixo! Uma vergonha para os paulistanos.

Também achei muito ruim a organização do evento. Um passeio que era para ser em grupo, com fileiras duplas de ciclistas, tornou-se uma competição onde todo mundo queria ultrapassar o outro, deixando várias pessoas para trás, sem que ninguém do Sampa Bikers as acompanhasse. Para piorar, ao final do percurso, muitos (inclusive eu) não sabiam como voltar ao estacionamento de onde havíamos partido.

Ao final, o sorteio da bicicleta foi feito sem que todos os participantes estivessem de volta, não achei justo penalizar os retardatários dessa maneira. O pessoal parecia louco para dar o fora dali, pegou muito mal.

Saí com vontade de desistir da GinkaBike, que acontecerá no dia 9 de julho e na qual já me inscrevi também. Se a (des)organização for igual à desse passeio, vai ser uma roubada. E pior, sem 50% desconto!

Beijokas da Fernanda!

8 comentários:

andreanazareth69 disse...

isso mesmo amiga,as pessoas estão totalmente perdidas e o pior profissionalismo zero!!

Lady Guedes disse...

Vc estava no passeio também?

Marcelo disse...

Eu faço passeios como esse e não cobro nada! hahah Só cobro a presença dos amigos e amigas bikers dispostos a curtir um dia bonito como esse. Em julho vou tentar organizar e chamar o pessoal que curte, se quiser se juntar, pensei em ir pra Represa Guarapiranga [aí o jeito é ir pela ciclovia da marginal mesmo], e outros parques como a Cantareira, Jaraguá... Se quiser se juntar é só me avisar por email!

Lady Guedes disse...

Obrigada, Marcelo!
Eu não me importo de pagar por esses passeios. Só achei que algumas pessoas foram desconsideradas pelos organizadores, mas acredito que isso possa ser corrigido numa próxima ocasião.
Mantenha-me informada sobre seus passeios. Adoraria acompanhá-lo nessas aventuras.
:)

Saia na Noite disse...

vc conheçe o saia na noite? é um grupo de bike formado só por mulheres:

http://www.saiananoite.com.br/

pelo menos a camiseta é mais bonita...:)

Lady Guedes disse...

Hahahaha!
Eu já conheço o Saia na Noite, sim. Inclusive há um link para o site de vcs no menu à direita aqui no blog.
Meu problema é o dia do passeio, pois não tenho com quem deixar o meu filhote. Mas vou participar de um dos passeios quando ele estiver de férias com o pai.
E, sim, a camiseta é bem mais bonita!
:)

Jorge Ramiro disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jorge Ramiro disse...

Eu também gosto de andar de bicicleta. Eu estou trabalhando em alguns restaurantes em perdizes, então eu não tenho muito tempo para andar de bicicleta. Mas antes, eu usei a bicicleta durante todo o dia.